Acervo Bibliográfico

A Biblioteca Padre Antônio Vieira, da FMRB, tem um acervo bibliográfico constituído por 23.733 volumes, sendo 3.217 de obras raras, com destaque para textos de padre Antônio Vieira, “Don Quichotte” (versão em espanhol), de Miguel de Cervantes (1837), “Divina Comédia”, de Giovanni Boccaccio (1918),”Espumas Flutuantes”, de Castro Alves, textos de Coelho Neto e muitos outros. O acervo é constituído também por folhetos, periódicos, edições estrangeiras, obras literárias e outros.

Em suma, é um valiosíssimo acúmulo de informações, sobretudo relacionadas à literatura brasileira, maranhense e universal. Contando ainda com vastíssima bibliografia das ciências jurídicas, sociais e políticas. A biblioteca é aberta ao público, para pesquisa local, de segunda a sexta-feira, das 13h às 19h.

Conheça alguns dos livros do acervo da FMRB.

Dom Quixote de La Mancha (Don Quijote de la Mancha em castelhano) é um livro escrito pelo espanhol Miguel de Cervantes y Saavedra (1547-1616). O título e ortografia originais era “El ingenioso hidalgo Don Qvixote de La Mancha”, com sua primeira edição publicada em Madrid no ano de 1605. É composto por 126 capítulos, divididos em duas partes: a primeira surgida em 1605 e a outra em 1615.
O livro surgiu em um período de grande inovação e diversidade por parte dos escritores ficcionistas espanhóis. Parodiou os romances de cavalaria que gozaram de imensa popularidade no período e, na altura, já se encontravam em declínio.

Nesta obra, a paródia apresenta uma forma invulgar. O protagonista, já de certa idade, entrega-se à leitura desses romances, perde o juízo, acredita que tenham sido historicamente verdadeiros e decide tornar-se um cavaleiro andante. Por isso, parte pelo mundo e vive o seu próprio romance de cavalaria. Enquanto narra os feitos do Cavaleiro da Triste Figura, Cervantes satiriza os preceitos que regiam as histórias fantasiosas daqueles heróis de fancaria. A história é apresentada sob a forma de novela realista.
Divina Comédia (em italiano: Divina Commedia, originalmente Comedía, mais tarde batizada de Divina por Giovanni Boccaccio) é um poema de viés épico e teológico da literatura italiana e da mundial, escrita por Dante Alighieri, e que é dividida em três partes: Inferno, Purgatório e Paraíso. O poema chama-se “Comédia” não por ser engraçado mas porque termina bem (no Paraíso). Era esse o sentido original da palavra Comédia, em contraste com a Tragédia, que terminava, em princípio, mal para os personagens.

Não há registro da data exata em que foi escrita, mas as opiniões mais reconhecidas asseguram que o Inferno pode ter sido composto entre 1304 e 1307-1308, o Purgatório de 1307-1308 a 1313-1314 e por último o Paraíso de 1313-1314 a 1321 (esta última data fecha com a morte de Dante). É uma viagem onde se sucedem diversos acontecimentos.

O livro tem um título grande, “Galeria histórica da revolução brasileira de 15 de novembro de 1989”, que ocasionou a fundação da República dos Estados Unidos do Brasil, de autoria de Urias A. da Silveira, publicado em 1890, no Rio de Janeiro, pela Tipografia universal Laemmert & C., na Rua do Ouvidor.

A obra é uma compilação de retratos e biografias de alguns dos importantes homens que participaram do processo de Proclamação da República Brasileira, fazendo relação da vida deles com os acontecimentos que resultaram no fim da monarquia. O livro divide-se em três  partes: “O que se deve entender atualmente por governos, republica e monarquia”, “Esboço da história do Brasil desde a descoberta do continente americano até o dia 15 de novembro de 1889” e “Época contemporânea e imediatamente posterior ao dia 15 de novembro de 1889”.

Chama atenção as gravuras das personalidades colada uma a uma na edição do livro, entre elas a do Marechal Deodoro da Fonseca, Campos Salles, Ruy Barbosa, Demétrio Ribeiro e Aristides Lobo. Também há uma ilustração do momento em que o Major Solon entrega a D. Pedro II a mensagem sobre a Proclamação da República, no dia 16 de novembro daquele ano.

Contatos

contatos

Rua da Palma, 502 - Desterro
São Luís - MA, Brasil
CEP: 65010-620

Fone:

(98) 3221-3724

Links Úteis
Localização

localização

Click to open larger map

Rua da Palma, 502, Desterro, São Luís, Maranhão